DESCOBERTAS

DESCOBERTAS Por muitos anos achei diversas profissões e funções que eram a “minha cara”. Trabalhei com importação, com faturamento, com atendimento, com vendas, com recursos humanos … Cada mudança entendia que aquela sim era minha profissão. Tinha nascido para aquilo.

Por muito tempo também, acreditei que isso era coisa da idade. Inconstância da juventude ou influência do signo, afinal todos dizem o que os arianos começam algo e logo se encantam com outra coisa.

Com o passar dos anos, com maturidade, com novos conhecimentos e, principalmente com a certificação de Coach, entendi que eu gosto é do contato com as pessoas. Gosto de entender suas histórias, de saber das suas necessidades. Gosto de supreendê-las positivamente. Me encanta cada dia mais “entender” de pessoas e ter a chance de simplificar as coisas, melhorando relacionamentos e reduzindo conflitos.

Dessa forma, na importação, no faturamento, nas vendas, no atendimento, nos recursos humanos, estava realizado, pois eram profissões ou atividades que me permitiam essa interação. E não interações simples, mas interações onde eu precisava levar soluções. Essa foi uma outra grande e importante sacada. Gosto de entregar soluções.

Claro que nem sempre a solução que a pessoa do outro lado deseja é possível (seja por regras, seja por limitações da empresa), mas sempre me esforcei para dizer o que precisava ser dito seguido de possibilidades próximas ao que a pessoa (ou cliente) precisava.

E fica aqui o meu convite para que você também reflita sobre suas “pescarias” e entenda qual é o “peixe” que você quer.